Bosque Arrayanes e Isla Centinela: Navegação em Bariloche


Veja nosso tour em Bariloche que faz uma navegação pelo Lago Nahuel Huapi até o Bosque Arrayanes passando também pela Isla Victoria e Isla Centinela

A cidade de Bariloche é uma das cidades argentinas mais visitadas pelos brasileiros, seja na época do inverno ou na época do verão. No inverno os turistas aproveitam para esquiar e conhecer a neve e, no verão, a procura torna-se um pouco menor, mas ainda há um grande montante de pessoas visitando a região. Uma das atividades mais procuradas é a navegação pelo Lago Nahuel Huapi que pode ser realizada de diferentes maneiras. Abaixo você encontra como é o tour do Bosque Arrayanes e Isla Centinela e outras opções de navegação pela região.

Como Fazer o Bosque Arrayanes e Isla Centinela?

A navegação que vai até o Bosque Arrayanes e Isla Centinela não é a mais comum de ser realizada em Bariloche. Isto porque há um outro passeio chamado de Isla Victoria e Bosque Arrayanes que é muito procurado e esse é o principal passeio da região. Porém, tivemos um problema com a nossa reserva e tivemos que fazer este tour alternativo.

Particularmente achamos que é melhor fazer o tour pela Ista Victoria e Bosque Arrayanes e você pode fazer a reserva antecipada através da agência Argentina4u que opera em diversos locais da Patagônia, inclusive em Bariloche. A reserva é feita pela internet e, no dia e horário agendados, uma van passa pelos hotéis pegando as pessoas que fizeram a reserva. Faça sua reserva antecipada para clicando aqui.

Nós temos uma parceria com a Argentina4u e você também pode verificar outros passeios que acontecem na região de Bariloche através deste link. Clique aqui para ver todos os preços e os passeios disponíveis. 

Bosque Arrayanes e Isla Centinela

O passeio do Bosque Arrayanes e Isla Centinela é uma navegação pelo Lago Nahuel Huapi que é um lago presente na maioria das fotos de Bariloche. O lago se destaca por sua profundidade e por seus sete braços: Campanario, de la Tristeza, Blest, Machete, del Rincón, Última Esperanza e Huemul.

O embarque é feito pelo Porto Pañuelo (já tínhamos passado por perto durante o tour do Circuito Chico) e você deve pagar uma taxa portuária mais a entrada para o Parque Nacional Nahuel Huapi. O valor dos dois é de 12 USD para turista Mercosul e você pode pagar com dólares, pesos ou reais.

O barco sai às 14h e faz uma viagem de cerca de uma hora até o Bosque Arrayanes. A navegação passa por cenários incríveis, porém, devido ao mau tempo não foi possível avistar muita coisa, inclusive a vista para a Isla Victoria que ficou bastante prejudicada. Desta maneira, recomendamos muito ir em um dia ensolarado que são mais comuns durante o verão.

Navegacao Lago Nahuel Huapi

Navegação Lago Nahuel Huapi

Depois de uma hora de navegação chegamos ao Bosque Arrayanes que é uma área protegida devido a importância da espécie que é muito rara. As árvores possuem aproximadamente 300 anos de idade e atingem grandes alturas. O Bosque Arrayanes é especial pela cor do caule das árvores que possuem um tom alaranjado.



Vai Viajar? Faça seu Seguro Viagem com Desconto (“Insira o cupom de desconto ANYWHERE5 no campo “VOUCHER DE DESCONTO” na tela de pagamento e, em seguida, clique em APLICAR. Assim você garante 5% de desconto em sua compra).

Bosque Arrayanes Entrada

Entrada

Bosque Arrayanes

Bosque Arrayanes

Bosque Arrayanes Arvores

Árvores

Você conhece o Bosque Arrayanes através de um circuito muito bem estruturado que pode ser realizado andando por 30 minutos. No final do circuito há uma casa de chá que também é chamada de Casa do Bambi pois dizem que o Bosque Arrayanes foi a inspiração de Walt Disney para a criação do desenho Bambi. O Bosque Arrayanes também pode ser conhecido a partir da Villa de la Angostura por uma trilha de aproximadamente 7km.

Bosque Arrayanes Caminho

Caminho

Casa do Bambi Bosque Arrayanes

Casa do Bambi

A parada no Bosque Arrayanes dura aproximadamente uma hora e depois deste tempo você deve voltar ao barco para continuar a navegação. O nosso próximo destino foi a Isla Centinela e a navegação demorou mais uma hora para chegar até o local.

Chegando na Isla Centinela tivemos uma decepção pois não descemos no local, apenas avistamos a partir do barco. Como o tempo não estava muito bom, não conseguimos boas fotos. De qualquer maneira, a Isla Centinela se destaca porque nela descansam os restos mortais do Dr. Francisco Pascasio Moreno que é um dos mais importantes heróis civis da Argentina. Depois da Isla Centinela voltamos ao Porto Pañuelo para retornar até a cidade de Bariloche.

Isla Centinela Bariloche

Isla Centinela

Este passeio é uma ótima opção para conhecer mais a região do Lago Nahuel Huapi, mas achamos que o mau tempo prejudica muito. Desta maneira, procure fazer a navegação em épocas que possuam mais dias de sol. Além disso, dê preferência pelo tour da Isla Victoria e Bosque Arrayanes onde há muito mais opções de locais para conhecer fora do barco já que você desce do barco na Isla Victoria (veja aqui uma recomendação de post: http://www.nerdsviajantes.com/2012/07/02/bariloche-isla-victoria-y-bosque-de-arrayanes/).

Faça suas reservas com a gente!

 

Faça suas reservas clicando nos links dos nossos parceiros. Você não vai pagar nada a mais por isso e o blog ganha uma comissão para continuarmos trazendo novos conteúdos e é uma ótima maneira de retribuir as informações que você obteve no blog. Todos ganham!

1477164494_city Reserve seu hotel pelo Booking.com

1477164553_car Alugue seu carro com a RentCars

1477164568_add Adquira seu seguro viagem com a Seguros Promo

1477164715_camera Reserve seus tickets para atrações pela Ticket Bar (EUA e Europa) e com a DayTour4u (Argentina, Colombia e Uruguai, e Brasil)

1482250327_mobile Compre câmbio com Melhor Câmbio

1482250327_mobileCompre seu chip com a EasySym4U

1477164599_editdocument Quer um roteiro de viagem pronto? Conheça a coleção 3 Days Anywhere

Você precisa fazer uma reserva de hospedagem?

Me encontre

Erick Stengrat

Sou formado em Química pela USP, trabalho com Desenvolvimento de Embalagens e também sou responsável pelo conteúdo do blog my Destination Anywhere. Adoro viajar para destinos isolados, mas também não dispenso uma cidade grande. Já pisei em 11 países e só penso em aumentar a lista.
Me encontre

Tire sua dúvida ou faça um comentário legal =)