Guia Inicial para Bogotá: Dicas e Informações Gerais 2


É sempre válido ter um guia inicial contendo informações gerais sobre a cidade que você irá visitar. Desta maneira, você consegue fazer um planejamento mais adequado sobre sua hospedagem, a época do ano para ir e outros fatores que influenciam no sucesso ou perrengue da sua viagem. Pensando nisto, fizemos este post para ajudar a planejar sua viagem para Bogotá, a capital colombiana que nos impressionou positivamente durante os nossos 4 dias de viagem (leia aqui o nosso relato completo de viagem).

Cidade de Bogotá

A Colômbia está localizada na porção noroeste da América do Sul e sua capital Bogotá se encontra na região central do país. A cidade é dividida em vários bairros, sendo que as regiões mais recomendadas para ficar é a região central (Candelaria) ou a zona norte (Chapinero).

Zonas de Bogota

Zonas de Bogotá

O bairro da Candelaria está no centro da cidade e nele você encontra boa parte das atrações de Bogotá como museus, locais históricos, catedrais e prédios do governo colombiano. Por sua vez, o bairro Chapinero é uma parte mais nova da cidade e nele se encontram os principais bares, restaurantes e discotecas, principalmente na Zona Rosa que é uma região bastante famosa na cidade.

Um dos maiores desafios para quem chega na cidade é entender o seu sistema de ruas e avenidas que é confuso no começo, mas funciona muito bem depois que você entende. A cidade é dividida em Calles (cruzam a cidade de leste a oeste) e Carreras (cruzam a cidade de norte a sul). Todos os endereços são feitos com base neste sistema. Por exemplo, nós fomos na cervejaria Bogotá Beer Company que fica na Calle 85A No 13-06 que significa que o local fica na Calle 85A, Carrera 13 e a 6 metros da esquina do cruzamento entre a Calle 85A e Carrera 13.

Vacina Contra Febre Amarela

A Colômbia é um dos países listados na Organização Mundial da Saúde (veja aqui a lista) como área de risco de contaminação da febre amarela (primeira coluna da lista), mas o país não obriga que viajantes provenientes de outros países tomem a vacina. O Brasil, por sua vez, também não obriga que viajantes voltando de áreas de risco tomem a vacina. Porém, mesmo assim a ANVISA recomenda a vacinação contra a febre amarela.

Para garantir, nós tomamos a vacina contra a febre amarela (validade de 10 anos) e emitimos o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) que é o documento válido durante uma viagem. Para emitir este documento, primeiramente vá até um posto de saúde e tome gratuitamente a vacina contra a febre amarela. Com o comprovante de vacinação em mãos, vá até um dos Centro de Orientação para a Saúde do Viajante da ANVISA (veja aqui a lista) para emitir gratuitamente o seu CIVP (observe que em alguns locais o CIVP só é emitido se a vacinação foi feita na mesma unidade).

Quando Ir para Bogotá?

Em regiões próximas da linha do Equador, a temperatura é mais influenciada pela altitude do que pela latitude e, como Bogotá está a 2.2600 metros acima do nível do mar, você pode esperar temperaturas entre 8°C e 20°C durante todo o ano.

As chuvas são mais intensas entre Março e Maio e entre Setembro e Novembro. Porém, mesmo que evite estes meses mais chuvosos você pegará chuva em Bogotá já nos outros meses a chuva também cai de forma mais moderada.

Se você tiver flexibilidade, escolha ir para Bogotá entre Junho e Agosto ou entre Dezembro e Fevereiro que são os meses menos chuvosos, mas nos outros meses também é possível conhecer bem a capital colombiana.

Câmbio em Bogotá

A moeda da Colômbia é o Peso Colombiano e em Bogotá há diversas casas de câmbio para trocar o seu dinheiro. Assim como em outros lugares, o câmbio no aeroporto não é muito bom e recomendamos trocar apenas uma pequena quantia de dinheiro necessária para chegar até o seu hotel (táxi ou de transporte público) e depois procurar por casas de câmbio na cidade. O valor do câmbio no aeroporto é de 1 Dólar = 1880 Pesos Colombianos e nas ruas do centro e na Calle 85 (Zona Norte) o câmbio era de 1 Dólar = 1950 Pesos Colombianos. Já o real é mais desvalorizado: 1 Real = 850 Pesos Colombianos na cidade.



Vai Viajar? Faça seu Seguro Viagem com Desconto. Seguro viagem geral 728x90

Hospedagem em Bogotá

As duas principais regiões para se hospedar em Bogotá são: La Candelaria e Chapinero. Elas são bem diferentes entre si e a escolha depende do seu estilo de viagem.

A Candelaria está localizada no centro da cidade e nela você encontra boa parte das atrações de Bogotá: museus, locais históricos, catedrais e prédios do governo colombiano. É uma ótima região para quem procura ficar perto dos pontos turísticos da cidade. Além disso, a hospedagem não é cara e você consegue bons hotéis por um preço bastante justo. A única desvantagem da região é que durante a noite não há tantos locais para sair e é neste quesito que Chapinero se sobressai.

Chapinero é o oposto da região central de Bogotá. Nesta região se encontram os prédios mais novos, ruas mais largas e uma vida noturna intensa, principalmente na Zona Rosa que é o local mais adequado para quem procura hospedagem nesta região. Há restaurantes, bares, pubs, discotecas e tudo para curtir a noite. Em contrapartida, a hospedagem na região é mais cara e você fica longe dos pontos turísticos da cidade.

Nós ficamos hospedados no Hotel Viaggio Virrey que se encontra na Zona Rosa e é uma ótima opção para quem deseja aproveitar o dia em qualquer ponto da cidade de Bogotá e aproveitar a noite em locais mais próximos do hotel.

Veja mais opções de hospedagem em Bogotá e faça sua reserva clicando neste link. Você não vai pagar nada a mais por isso e o blog ganha uma comissão do Booking. Você consegue uma hospedagem bacana e é uma ótima maneira de retribuir as informações que você teve no blog. Todos ganham !

Transporte em Bogotá

O sistema de transporte em Bogotá mais eficiente é chamado de Transmilenio que circula pelas principais Carreras e Calles da cidade, respeitando caminhos pré-determinados e pontos específicos. Grande parte do trajeto dos ônibus do Transmilenio é feito por faixas exclusivas, melhorando a eficiência e rapidez deste transporte. Além disso, há duas faixas exclusivas que permitem com que os ônibus possam ultrapassar uns aos outros e possibilita o uso de linhas expressas.

Veja aqui o nosso post completo sobre como usar o sistema Transmilenio.

Mapa Transmilenio

Mapa Transmilenio

Com o Transmilenio você consegue visitar boa parte das atrações da cidade de Bogotá, independentemente se você está hospedado na Candelaria ou na Zona Rosa. Nós não usamos táxi nenhuma vez na cidade, mas os preços são baratos se comparados aos preços das grandes cidades brasileiras.

Segurança em Bogotá

Muitas pessoas tem um conceito totalmente errado sobre a Colômbia e Bogotá quando o assunto é segurança. O país já foi muito inseguro e há regiões que ainda são dominadas pelas FARCs, principalmente na região amazônica. Porém, isto não se aplica a Bogotá que nos últimos anos vem implementando uma política de segurança pública.

Há policiais por todas as esquinas e, quando falamos isso, é no sentido literal da palavra. Em todas as esquinas você encontrará policiais federais, seguranças privados e o exército também está bastante presente, principalmente na região central. Claro que como em qualquer lugar do mundo você precisa tomar cuidado com seus pertences, mas nos sentimos muito seguros andando pelas ruas do centro e da zona norte da cidade de Bogotá.

Quantos Dias Ficar em Bogotá?

Esta é uma das perguntas mais difíceis de se responder já que é muito pessoal. Você pode se encantar pelos bares e restaurantes da Zona Rosa e querer ficar na cidade por uma semana ou você pode simplesmente querer visitar os pontos históricos e passar dois dias. Na nossa opinião, uma viagem entre 3 e 4 dias inteiros já é suficiente para conhecer as principais atrações de Bogotá. O nosso roteiro de 4 dias pela cidade pode te ajudar bastante no seu planejamento de viagem.

Faça suas reservas com a gente!

 

Faça suas reservas clicando nos links dos nossos parceiros. Você não vai pagar nada a mais por isso e o blog ganha uma comissão para continuarmos trazendo novos conteúdos e é uma ótima maneira de retribuir as informações que você obteve no blog. Todos ganham!

1477164494_city Reserve seu hotel pelo Booking.com

1477164553_car Alugue seu carro com a RentCars

1477164568_add Adquira seu seguro viagem com a Real Seguros

1477164715_camera Reserve seus tickets para atrações pela Ticket Bar (EUA e Europa) e com a DayTour4u (Argentina, Colombia e Uruguai, e Brasil)

1482250327_mobile Compre câmbio com Melhor Câmbio

1482250327_mobileCompre seu chip com a EasySym4U

1477164599_editdocument Quer um roteiro de viagem pronto? Conheça a coleção 3 Days Anywhere

Você precisa fazer uma reserva de hospedagem?

Me encontre

Erick Stengrat

Sou formado em Química pela USP, trabalho com Desenvolvimento de Embalagens e também sou responsável pelo conteúdo do blog my Destination Anywhere. Adoro viajar para destinos isolados, mas também não dispenso uma cidade grande. Já pisei em 11 países e só penso em aumentar a lista.
Me encontre

Tire sua dúvida ou faça um comentário legal =)

2 thoughts on “Guia Inicial para Bogotá: Dicas e Informações Gerais

  • Rodrigo Asai

    Muito bom! Erick Stengrat
    Estou indo p/ bogota dia 8 agora, Erick oque você acha melhor eu fazer
    levar em reais e comprar pesos ou comprar dólar no aeroporto aqui no RJ e comprar pesos em bogota?
    A taxa hoje ta 2,42 R$ > US$
    teoricamente se for levar os valores que você encontrou, vale a pena levar tudo em reais e comprar pesos correto ?
    Qual foi sua experiencia com os taxistas ? dizem que sao digamos… bem espertinhos eles.

    Toda forma muito obrigado, espero que possa responder minhas duvidas antes de eu viajar.

    • Erick Stengrat Autor do post

      Oi Rodrigo, tudo bem?
      Em todos os lugares que viajei da América do Sul levei dólares e não me arrependi. Se a moeda do dólar valorizou aqui no Brasil, também pode ter acontecido o mesmo na Colômbia. A minha sugestão ainda é levar dólares. Quanto à cotação, acho que você vai pagar muito caro para trocar reais por dólares no aeroporto. Eu procuraria algum banco ou casa de câmbio com preço mais acessível…você pode dar uma olhada no ranking do BCB para ver quais possuem o valor mais competitivo: https://www3.bcb.gov.br/rex/vet/index.asp
      Não peguei nenhum táxi em Bogotá pois só andei com o sistema Transmilenio que te leva para todos os lugares…se precisar pegar no aeroporto você pode ir no guichê oficial que eles já te falarão o preço de acordo com o lugar que você vai.
      Abraços