Relato de Viagem de 6 dias – Chile – Atacama 6


San Pedro de Atacama é uma cidade chilena que fica no coração do Deserto do Atacama e faz parte da região de Antofagasta. Esta cidade é um dos destinos chilenos mais procurados pelos turistas que tem um propósito em comum: levar para casa experiências únicas e paisagens incríveis de toda a região que incluem parques nacionais, vulcões, lagoas de sal e etc.

Tivemos a oportunidade de ficar 6 dias na cidade durante o mês de Dezembro/2012 e você pode encontrar abaixo as principais atrações da região e o que fizemos em cada um dos dias.

Como Chegar no Atacama?

O ponto de partida para os passeios no Atacama é a cidade de San Pedro de Atacama. Para chegar na cidade você pode ir de avião, mas não há voo direto. A melhor maneira é ir até Santiago e de lá pegar um voo para Calama. Nós fizemos os dois trechos pela companhia LAN, mas o trecho entre Santiago e Calama pode também ser feito pela companhia Sky Airlines. Há também a opção de sair de Santiago de ônibus ou até alugar carro, mas a distância é longa e esta opção só vale a pena se você estiver sem pressa.

A distância entre Calama e San Pedro de Atacama é de 106Km e no aeroporto de Calama tem um serviço de transfer que te deixa no hotel ou hostel que você reservou. O Trans Licancabur pode ser reservado com antecedência ou na hora que você chega no aeroporto. O valor que pagamos para ida e volta foi de 36.000 pesos chilenos: 12.000 para ida e 24.000 para volta. O preço na volta foi o dobro pois saímos bem cedo de San Pedro de Atacama e o serviço é mais caro para horários especiais.

Vista Aerea Atacama

Atacama

Primeiro Dia – Reservar os Passeios em San Pedro de Atacama

Há vários passeios disponíveis para serem realizados em San Pedro de Atacama, desde montanhismo até águas termais. Assim que chegamos na cidade fomos até a Caracoles que é onde fica a maioria das agências da cidade.

Apesar querermos fazer a subida ao vulcão Licancabur que é cartão postal do Atacama, reservamos a subida ao Cerro Toco por indicação da Agência Nomade (Rua Caracoles 163). Eles nos informaram que a subida ao Licancabur é bem complicada, principalmente para quem nunca fez nenhuma subida em altitude. Além disso, precisava que o corpo tivesse aclimatado e tínhamos acabado de chegar na cidade. Por fim, nos contentamos com a reserva para o Cerro Toco que custou 60.000 pesos chilenos por pessoa.

Os passeios mais tradicionais são realizados por diversas agências de turismo e você pode tranquilamente reservar os passeios quando chegar na cidade. Vale a pena dar uma pesquisada antes de fechar com alguma agência pois os preços variam consideravelmente. Reservar tudo com a mesma agência vale a pena já que você consegue pagar menos pelo pacote completo. O valor que pagamos para todos os passeios foi de 85.000 pesos chilenos reservando pela agência Colquetours.

Você pode ler aqui nossa post que dá várias dicas de como montar o seu roteiro de passeios no Atacama.

Segundo Dia – Subida ao Cerro Toco

O Cerro Toco é um estratovulcão localizado na região do Deserto do Atacama e fica próximo à fronteira entre Chile e Bolívia. A base do Cerro Toco está a 4600 m de altitude que é onde começa a subida até o seu topo em 5604 m, sendo possível avistar a Laguna Blanca na Bolívia a partir do seu cume. A subida não é considerada difícil do ponto de vista técnico, mas o efeito da altitude torna esta subida mais complicada.

Você pode ler aqui todo nossa relato da subida ao Cerro Toco até a altitude de 5604m.

Cerro Toco Topo

Cerro Toco

Terceiro Dia – Conhecendo San Pedro de Atacama e passeio ao Valle de la Luna

Como sabíamos que a subida ao Cerro Toco seria bem cansativa, deixamos este dia reservado para conhecer um pouco mais a cidade e fazer um passeio no final da tarde.

Andar por San Pedro de Atacama é como andar em um lugar que o tempo parou. É um vilarejo com pouco mais de 5 mil pessoas e com casas feitas de barro e teto de palha. Apesar disso, na cidade existem restaurantes, mercearias, casas de câmbio e muitas agências de turismo, a maioria concentrada na Rua Caracoles.

Atacama

Atacama

Ao lado da igreja na praça principal é possível encontrar o “Solmáforo”, uma utilidade pública que indica o nível de raios UV.

Atacama

Atacama – Solmáforo

No final da tarde fizemos o passeio ao Valle de la Luna e Valle de la Muerte que é o mais tradicional de ser feito na região do Atacama e também um dos mais incríveis. Neste lugar você terá a oportunidade de observar melhor a grandeza do Deserto do Atacama e se impressionar com as suas paisagens incríveis. O Valle de la Luna tem este nome pela sua superfície lembrar a superfície da Lua: o terreno é acidentado e é coberto por uma camada de sal, deixando sua superfície branca. Neste passeio você passará pelas Três Marias, a Grande Duna e o Anfiteatro.



Vai Viajar? Faça seu Seguro Viagem com Desconto.

Você pode ler aqui todo nosso relato do passeio ao Valle de la Luna e Valle de la Muerte.

Valle de la Luna

Valle de la Luna

Quarto Dia – Salar de Atacama e Lagunas Altiplânicas

O passeio que leva ao Salar de Atacama e Lagunas Altiplânicas é um dos mais bonitos para serem feitos na região do Atacama. Assim, ele se torna praticamente obrigatório para todas as pessoas que visitam a região. Juntamente com o Salar de Tara e o Valle de la Luna e Valle de la Muerte, o passeio ao Salar de Atacama e Lagunas Altiplânicas foi um dos nossos favoritos já que nele você tem uma diversidade de paisagens muito grande, variando de uma lagoa de sal até impressionantes lagoas na base de vulcões.

Você pode ler aqui todo nosso relato do passeio ao Salar de Atacama e Lagunas Altiplânicas.

Lagunas Altiplanicas

Lagunas Altiplânicas – Laguna Miscanti

Quinto Dia – Salar de Tara

O passeio Salar de Tara possui uma diversidade de paisagens incríveis, talvez mais ainda do que o passeio das Lagunas Altiplânicas: lagoas de sal, flamingos, vulcões e grandes formações rochosas que impressionam. Na minha opinião, é a atração mais fantástica da região do Atacama. Por ser um lugar pouco explorado, poucas agências de turismo levam até o Salar de Tara que fica a 140km de San Pedro de Atacama.

Você pode ler aqui todo nosso relato do passeio ao Salar de Tara.

Salar de Tara

Salar de Tara

Sexto Dia – Geyser El Tatio e Laguna Cejar

No nosso último dia em San Pedro de Atacama deu tempo para fazer dois passeios: Geyser El Tatio na parte da manhã e Laguna Cejar na parte da tarde.

O Geyser El Tatio fica a 90km de San Pedro de Atacama e está localizado na base da Cordilheira dos Andes. Um gêiser é uma nascente termal que entra em erupção periodicamente, lançando uma coluna de água quente e vapor para o ar. Ele é formado quando a água subterrânea entra em contato com rochas que estão em altas temperaturas.

Você pode ler aqui todo nosso relato do passeio ao Geyser El Tatio e o resultado deste fenômeno.

Geyser El Tatio

Geyser El Tatio

O passeio da Laguna Cejar é o que possui a maior quantidade de turistas que estão com o objetivo de relaxar no final da tarde. Esta lagoa possui uma concentração de sal tão alta que é impossível afundar. A sensação de boiar sem ter que mexer os braços é inexplicável e demora alguns minutos para se acostumar. Além disso, você também tem a oportunidade de conhecer os Ojos del Salar e a Laguna Tebinquiche.

Você pode ler aqui todo nosso relato do passeio para a Laguna Cejar e como é o pôr-do-sol na Laguna Tebinquiche.

Laguna Cejar

Laguna Cejar

Vale a Pena Visitar o Atacama?

Na nossa opinião não vale visitar apenas uma vez, mas sim voltar muitas vezes e se surpreender com as paisagens incríveis. O Atacama é um destino obrigatório para todas as pessoas que querem ter um contato maior com a natureza e conhecer melhor o deserto mais árido do mundo.

Faça suas reservas com a gente!

 

Faça suas reservas clicando nos links dos nossos parceiros. Você não vai pagar nada a mais por isso e o blog ganha uma comissão para continuarmos trazendo novos conteúdos e é uma ótima maneira de retribuir as informações que você obteve no blog. Todos ganham!

1477164494_city Reserve seu hotel pelo Booking.com

1477164553_car Alugue seu carro com a RentCars

1477164568_add Adquira seu seguro viagem com a Seguros Promo

1477164715_camera Reserve seus tickets para atrações pela Ticket Bar (EUA e Europa) e com a DayTour4u (Argentina, Colombia e Uruguai, e Brasil)

1482250327_mobile Compre câmbio com Melhor Câmbio

1482250327_mobileCompre seu chip com a EasySym4U

1477164599_editdocument Quer um roteiro de viagem pronto? Conheça a coleção 3 Days Anywhere

Você precisa fazer uma reserva de hospedagem?

Me encontre

Erick Stengrat

Sou formado em Química pela USP, trabalho com Desenvolvimento de Embalagens e também sou responsável pelo conteúdo do blog my Destination Anywhere. Adoro viajar para destinos isolados, mas também não dispenso uma cidade grande. Já pisei em 11 países e só penso em aumentar a lista.
Me encontre

Tire sua dúvida ou faça um comentário legal =)

6 thoughts on “Relato de Viagem de 6 dias – Chile – Atacama